Sociedade Bíblica do Brasil

Spider

Escola Bíblica Discipuladora - 4º Trimestre 2018 - Lição Nr 11

Canal Luisa Criativa

sábado, 17 de novembro de 2018

Renascimento Cientifico

Renascimento Cientifico
Resultado de imagem para renascimento cientifico
Renascimento Científico foi um período de desenvolvimento da ciência (astronomia, matemática, física, química, anatomia, etc.) que ocorreu durante o período do Renascimento (séculos XV e XVI). Dessa forma, representou uma revolução científica pautada no racionalismo, que mudou a forma de ver o mundo, ou seja, a mentalidade das pessoas.
Renascimento Científico
Homem Vitruviano (1490) de Leonardo da Vinci. Ilustração ícone do Humanismo Renascentista
Sendo assim, a partir dos estudos e descobertas de alguns cientistas, esse período possibilitou o avanço de diversos campos do conhecimento que, mais tarde, inauguraria a Ciência Moderna.
Observe que os renascentistas estavam preocupados com o estudo da natureza, de forma que valorizavam mais a razão do que a fé.
Embora Leonardo da Vinci tenha sido um dos nomes mais importantes do Renascimento Cultural e Artístico, ele foi destaque no Renascimento Científico, ao lado de Nicolau Copérnico.

Resumo: Características e Contexto Histórico

O declínio do sistema feudal e o fim do longo período denominada Idade Média (século V ao século XV), foi essencial para o surgimento de uma nova ordem e mentalidade na Europa.
Lembre-se que a Idade Média foi caracterizada pelo tradicionalismo, marcado pelo sistema feudal e uma sociedade estamental (rei-nobre-clero-servos), a qual impossibilitava a mobilidade social.
Foi marcada pelo obscurantismo do conhecimento e, quanto à isso, foi denominada de “Idade das Trevas”. Nesse contexto, poucos indivíduos tinham acesso ao conhecimento, o qual era transmitido por meio dos livros e trancados nas bibliotecas, tal qual tesouros.
Durante esse período de transição entre a Idade Média e a Idade Moderna, a Europa passava por diversas transformações sociais, culturais, políticas e econômicas, que levaram a expansão da ciência bem como do pensamento humanista, ou seja, mais centrado no homem em detrimento de “Deus” como centro do Universo (teocentrismo medieval).
Fatores como a expansão marítimo comercial, o surgimento da imprensa e da burguesia, foram essenciais para a evolução científica.
De tal modo, o Humanismo e o Renascimento Cultural, inspirados no antropocentrismo (homem como centro do Universo), influenciaram diretamente a mentalidade europeia e, por consequência, os cientistas, que passaram a ter uma atitude mais crítica e ativa em relação ao mundo.
Assim, foram capazes de avançar os estudos e desvendar mistérios, ora desconhecidos, ora guardados pela Igreja Católica, detentora do poder na Idade Média.
Por fim, o Renascimento Científico (século XVI e XVII) causou grande impacto no pensamento europeu da época, sendo considerado uma afronta à religião católica, na medida em que a Igreja, baseada no teocentrismo e, sem fundamentação científica, foi substituída por novos pensamentos, com a criação de novos instrumentos, experimentações e descobertas feita pelos estudiosos. Era o fim da Era Medieval e início da Idade Moderna.

Principais Representantes

Os principais cientistas que fizeram parte do Renascimento Científico foram:
  • Nicolau Copérnico (1473-1543): astrônomo e matemático polaco, considerado o “Pai da Astronomia Moderna”. Foi criador da Teoria Heliocêntrica (sol como centro do Universo), na qual contradiz a Teoria Geocêntrica medieval (adotada pela Igreja Católica), em que a Terra seria o centro do Universo.
  • Galileu Galilei (1564-1642): astrônomo, físico, matemático e filósofo italiano, Galileu foi defensor da Teoria Heliocêntrica de Copérnico, sendo considerado um dos fundadores da geometria moderna e da física. Além disso, aperfeiçoou o telescópio, inventou o microscópio com duas lentes e o compasso geométrico.
  • Johannes Kepler (1571-1630): astrônomo, matemático e astrólogo alemão, Kepler aprofundou suas teorias sobre mecânica celeste inspiradas no modelo heliocêntrico, apresentando estudos sobre as eclipses lunar e solar.
  • Andreas Vesalius (1514-1564): médico belga, considerado o “Pai da Anatomia Moderna”, Vesalius foi um dos precursores dos estudos sobre anatomia e fisiologia, após dissecar corpos de humanos e escrever sua principal obra, um atlas de Anatomia Humana intitulado “Fábrica”.
  • Francis Bacon (1561-1626): filósofo, político e alquimista inglês, Bacon foi o criador do “Método Científico” (nova maneira de estudar a natureza), sistematizando o conhecimento humano, sendo considerado o fundador da “Ciência Moderna”.
  • René Descartes (1596-1650): filósofo, físico e matemático francês, segundo seus estudos, Descartes foi considerado o “Pai do Racionalismo e da Matemática Moderna” e ainda, o fundador da Filosofia Moderna. Sua obra mais representativa é o “Discurso sobre o Método”, tratado filosófico e matemático propondo as bases do racionalismo.
  • Isaac Newton (1643-1727): filósofo, físico, matemático, astrônomo, alquimista e teólogo inglês, Newton foi considerado o “Pai da Física e da Mecânica Modernas”, do qual desenvolveu diversos conhecimentos nas áreas da matemática, física e filosofia natural. Estudou o movimento dos corpos propondo as três “Leis de Newton”.
  • Leonardo da Vinci (1452-1519): inventor, matemático, engenheiro e artista italiano, Da Vinci foi considerado um dos mais proeminentes gênios do Renascimento e da história da humanidade. Avançou em diversos estudos sobre a anatomia humana, e inventou o paraquedas, a máquina de voar, o submarino, o tanque de guerra, dentre outros.
Para complementar sua pesquisa sobre o tema, veja também os artigos:
Fonte de referência, estudos e pesquisa: https://www.todamateria.com.br/renascimento-cientifico/

Classificação da Perseguição Religiosa 2018!

Classificação da Perseguição Religiosa 2018!
Classificação dos 50 Países com Perseguição Religiosa, onde seguir à Jesus pode custar a vida. Atualizado em 2018.

Noticias Gospel Mais...

O Evangelho de Jesus Cristo, alçando o Mundo!